Sala planejada

Passo a passo para fazer seus móveis planejados

Planta do local

Primeiramente, antes de ir até uma loja de móveis planejados é importante ter as medidas ou a planta do local que será projetado. Além de ter as indicações e medidas de portas e janelas. Com essas informações já é possível desenvolver um projeto inicial.

 

Visita à loja

Agora é só visitar uma loja de móveis planejados e entregar as medidas para o projetista desenvolver o projeto.
Ele irá fazer o desenho de acordo com os gostos e especificações do cliente.

 

Contrato

Após o alinhamento do projeto, decidido cores, materiais e ferragens, é chegada a hora de assinar o contrato, onde detalha os direitos e deveres do lojista e do cliente.
Se atentar ao prazo de entrega, garantia e prazo de montagem oferecido pela loja.

 

Visita técnica

Depois do contrato assinado, irá um profissional até o imóvel para fazer uma medição mais detalhada, se atentando aos pontos hidráulicos, elétricos e de gás. Se certificando se não haverá nenhum problema no dia da montagem dos móveis.

 

Projeto final

O projetista irá refazer todo o projeto baseado na medição final, lá irá acrescentar informações ao projeto.
O projeto final é enviado á fabrica e servirá também para o dia da montagem. Por isso, é de suma importância que o profissional que for fazer a última medição fique concentrado para colher as medidas exatas, pois, esta determinará o sucesso ou fracasso da montagem.

 

Entrega e montagem

Observe o prazo indicado pela loja para a entrega dos materiais. Muitas empresas trabalham com um prazo de 30 á 40 dias úteis. Verifique se tudo o que você contratou está sendo entregue de acordo. A montagem varia de acordo com o tamanho do local e número de cômodos.

Qual a diferença entre MDP e MDF

Nossos clientes sempre fazem essa pergunta antes de iniciarmos o projeto, e é muito importante que todos saibam a diferença entre MDP e MDF antes de comprar seu móvel planejado.
mdp_mdf

 

MDP  vem da abreviação ( Medium Density Particleboard), que significa Partícula de Média Densidade. Na sua fabricação essas partículas são prensadas juntamente com resina sob efeito de calor. Possui  na superfície partículas mais finas e em seu interior partículas mais grossas, onde se percebe o aspecto mais poroso.

MDF  vem da abreviação (Medium Density Fiberboard), que significa Fibra de Média Densidade. Na sua fabricação as fibras são compactadas sob uma maior pressão e temperatura, que garante um produto mais homogêneo, maior durabilidade e maleabilidade, que permite facilmente vários tipos de pintura. Sendo assim, um produto superior ao MDP.

O MDP é um material um pouco mais resistente para área molhadas e/ou que recebe vapor, pois, suas partículas estão mais afastadas em comparação ao MDF, permitindo assim uma maior absorção. Porém, se o cliente precisar desmontar um móvel feito com MDP, ele não poderá usar o mesmo furo em que está o parafuso mais de duas vezes, pois, devido às partículas estarem mais soltas elas não voltam a sua forma original. Estando mais propensas a causar espaçamento deste furo.  Lembrando que MDP não é a mesma coisa que o aglomerado.

O MDF é um material mais maciço, com maior durabilidade e com valor um pouco mais alto, devido a sua qualidade superior. É um material que aceita a pintura em Laca e tinta automotiva. Possibilita acabamento curvo e cantos arredondados. Pode ser comparado á madeira em termos de trabalhabilidade.

Limpeza e Conservação

Para garantir a durabilidade de seus moveis é importante seguir alguns cuidados na hora da limpeza. E escolher corretamente os produtos á serem usados.

conservar-mdf-arauco

Evite produtos que contêm abrasivos como: saponáceo, água sanitária e removedor, pois, estes podem danificar a superfície do móvel e deixá-los manchados.
Nunca usar esponja de aço, pode causar riscos irreversíveis.
Em casos de manchas usar uma solução de água e álcool, ambas com a mesma quantidade, passar levemente com o pano úmido no móvel ate a remoção total da mancha.
O famoso “lustra móveis” também pode ser um grande vilão na hora da limpeza, se for usado com muita freqüência ele pode amarelar o móvel. O indicado é usar a cada três meses somente para dar brilho.

O mais aconselhável é que a limpeza seja feita com um pano macio úmido e sabão neutro. E em seguida passar um pano seco e deixar o local aberto para secar completamente.

Nos Acessórios e Ferragens (Dobradiças, Corrediças e Aramados) o acúmulo de poeira, gordura ou umidade e ainda a exposição à salinidade, prejudica o bom funcionamento e pode ocasionar oxidação. Utilize pano macio e seco ou pincel de cerdas macias, para retirar a poeira.

Puxadores em Metal: utilize apenas pano macio umedecido com água, sem adição de produtos de limpeza. Em seguida, seque totalmente.

Seguintes essas dicas super simples certamente aumentará a durabilidade de seus móveis. 😉

Artigos relacionados